Terra Magazine

 

Domingo, 29 de agosto de 2010, 15h24 Atualizada às 15h57

Vídeo de suposto estupro de Ingrid Betancourt cai na web

Ana Cláudia Barros e Altino Machado

Um vídeo do suposto estupro da ex-candidata à presidência da Colômbia, Ingrid Betancourt, está sendo divulgado na internet.

A violência teria sido praticada quando ela era mantida em cativeiro por guerrilheiros das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

O material se espalhou por blogs e era, também, repassado via Twitter.

Nas imagens chocantes, homens encapuzados violentam uma mulher, identificada como a política franco-colombiana. Durante três minutos e trinta segundos, ela é submetidada a vários tipos de abuso. Não se sabe ainda se o vídeo é autêntico ou forjado.

Ingrid Betancourt passou mais de seis anos como refém das Farc e foi resgatada, em 2008, durante operação realizada por um grupo da inteligência das Forças Armadas Colombianas, que se infiltrou entre os rebeldes.

 

Terra Magazine América Latina, Veja a edição em espanhol